Kimbap – Conheça o tradicional “Sushi” Coreano

Quem é fã da cultura asiática certamente tem na Hansik (한식), a culinária tradicional coreana, uma fonte inesgotável de receitas e pratos para se deliciar. Um deles é o Kimbap (김밥), o famoso “sushi” coreano. Você conhece ou já ouviu falar nesse prato?

Você também pode encontrar romanizado como Gimbap.

Muito tradicional na Coréia, o Kimbap, é uma ótima alternativa para quem busca uma refeição completa, leve e prática. Ao contrário da maioria dos pratos coreanos ele não é apimentado, o que faz dele uma opção perfeita para todos os paladares. Sobretudo para quem não é fã de comidas picantes. 

Um dos grandes diferenciais desse prato é o fato dele não levar peixe cru, o que também pode ser uma ótima alternativa para quem ainda é iniciante no universo da culinária oriental. 

Veja a seguir mais detalhes sobre o Kimbap e aprenda através do passo a passo que criamos como montar o tradicional sushi coreano. Confira!

O que é um Kimbap?

O kimbap é um “enrolado” que leva arroz, algas, legumes e geralmente alguma proteína. As opções mais comuns levam kani ou ovo, mas também é possível encontrar alternativas veganas. 

Essa iguaria coreana pode ser servida tanto de forma individual, como de acompanhamento com o tonkatsu, empanado de frango muito popular na culinária oriental. 

Na Coreia do Sul ele é extremamente popular, sendo basicamente uma “marmita” do dia a dia dos trabalhadores. O Kimbap pode ser encontrado facilmente em restaurantes, e até mesmo em lojas de conveniência em bandejas prontas para consumo. 

Tradicionalmente ele não é apimentado, sendo uma opção para todos os gostos. Contudo, é possível encontrar variações que levam a pasta apimentada coreana no preparo. 

Saudável, é uma ótima opção para quem deseja um lanche leve e fresco. 

Qual é a diferença entre Kimbap e Sushi?

Quem não é familiarizado com a culinária coreana, por vezes confunde o kimbap com sushi japonês. Contudo, ambos os pratos possuem peculiaridades que os diferenciam um do outro.

A principal diferença do kimbap para o sushi japonês é o arroz. No caso da versão coreana, ele leva óleo de gergelim torrado. 

Enquanto isso, o tradicional arroz japonês leva vinagre. Isso muda completamente o gosto de cada prato. 

Além disso, o kimbap também não leva peixe cru. Claro que você pode acrescentar na sua receita, mas não é tão tradicional quanto no Japão. 

Inclusive, por ser um prato à base de legumes, o sushi coreano é uma ótima opção para vegetarianos. 

Apesar de levar kani, você pode facilmente trocar essa proteína por tofu, por exemplo, ou fazer uma versão exclusivamente com legumes. 

Como preparar um kimbap tradicional – Passo a passo

Kimbap ou Gimpap é o tradicional sushi coreano.
Kimbap ou Gimpap é o tradicional “sushi” coreano.

A montagem em si do kimbap é bem simples. Contudo, é preciso se atentar ao preparo de cada ingrediente individualmente. Para essa receita você precisará de:

Ingredientes

  • Uma cenoura média.
  • Um pepino japonês médio;
  • Um pacote de tempurá de sua preferência;
  • Um pacote de nabo em conserva;
  • Um pacote de kani.
  • Broto de bambu a gosto 
  • Sal e shoyo a gosto.
  • Açúcar 
  • Um pacote de nori
  • Glicose
  • Quatro copos de arroz 
  • Cinco ovos 
  • Óleo de gergelim 

Como fazer o Kimbap

  1. Primeiramente, comece preparando o arroz no estilo oriental, mas troque o vinagre pelo óleo de gergelim, deixando-o esfriar. 
  2. Em seguida, descasque e corte o pepino em tirinhas finas. Depois que fizer isso, adicione sal e deixe descansando por 10 minutos. Escorra a água que vai soltar, esprema e doure com óleo de gergelim. Você deve fazer o mesmo com a cenoura.
  3. O próximo passo consiste em cortar o tempurá de modo que forme três tiras horizontais. Na sequência, coloque as tiras em uma panela. Acrescente cerca de 50 ml de shoyu e duas colheres de sopa de açúcar. Misture por 5 minutos em fogo médio. 
  4. O nabo você pode cortar em tiras finas assim como o broto de bambu. Mas no caso do broto, você deve cozinhá-lo até ficar macio e então acrescentar uma colher de sopa de açúcar, meia colher de glicose e dois terços de shoyo conforme a medida do bambu.
  5. Assim que o bambu ficar mais flexível e“macio”, adicione uma colher (sopa) de açúcar, meia colher (sopa) de glicose e dois terços de shoyu. Misture todos os ingredientes até começar a secar. 
  6. Por fim, frite o ovo normalmente conforme o seu gosto pessoal.

Agora é a hora da montagem!

Estenda a esteira e coloque a folha de nori com a parte mais brilhante para baixo. Em cima dele acrescente uma camada de arroz de 3cm. Agora coloque um pouco de cada ingrediente, tomando o cuidado para não exagerar e acabar não fechando. 

Depois é só enrolar enquanto vai apertando, e ir retirando a esteira aos poucos. Dica, deixe todos os ingredientes esfriarem para facilitar a montagem. 

Gostou de aprender a preparar o Kimbap? Então aproveite para colocar essa receita em prática e veja como é fácil fazer esse prato típico coreano.

Receita Kimbap (Sushi Coreano)

Receita de Kimbap o tradicional sushi coreano passo a passo.
Curso Acompanhamento
Culinária Coreana
Palavra-chave banchan, gimbap, kimbap, sushi coreano

Ingredientes

  • 1 cenoura média
  • 1 pepino japonês médio
  • 1 pacote de tempurá de sua preferência
  • 1 pacote de nabo em conserva
  • 1 pacote de kani
  • Broto de bambu a gosto
  • Sal a gosto
  • Shoyo a gosto
  • Açúcar
  • 1 pacote de nori1
  • Glicose
  • 4 copos de arroz
  • 5 Ovos
  • Óleo de gergelim 

Modo de Prep.

  • Primeiramente, comece preparando o arroz no estilo oriental, mas troque o vinagre pelo óleo de gergelim, deixando-o esfriar. 
  • Em seguida, descasque e corte o pepino em tirinhas finas. Depois que fizer isso, adicione sal e deixe descansando por 10 minutos. Escorra a água que vai soltar, esprema e doure com óleo de gergelim. Você deve fazer o mesmo com a cenoura.
  • O próximo passo consiste em cortar o tempurá de modo que forme três tiras horizontais. Na sequência, coloque as tiras em uma panela. Acrescente cerca de 50 ml de shoyu e duas colheres de sopa de açúcar. Misture por 5 minutos em fogo médio. 
  • O nabo você pode cortar em tiras finas assim como o broto de bambu. Mas no caso do broto, você deve cozinhá-lo até ficar macio e então acrescentar uma colher de sopa de açúcar, meia colher de glicose e dois terços de shoyo conforme a medida do bambu.
  • Assim que o bambu ficar mais flexível e“macio”, adicione uma colher (sopa) de açúcar, meia colher (sopa) de glicose e dois terços de shoyu. Misture todos os ingredientes até começar a secar. 
  • Por fim, frite o ovo normalmente conforme o seu gosto pessoal.

Montagem do Kimbap

  • Estenda a esteira e coloque a folha de nori com a parte mais brilhante para baixo. Em cima dele acrescente uma camada de arroz de 3cm. Agora coloque um pouco de cada ingrediente, tomando o cuidado para não exagerar e acabar não fechando. 
  • Depois é só enrolar enquanto vai apertando, e ir retirando a esteira aos poucos. Dica, deixe todos os ingredientes esfriarem para facilitar a montagem.

Observação

1.Nori é uma espécie de folha feita a partir de algas marinhas muito utilizada na culinária japonesa.
kanten

Kanten (Ágar-ágar) – Tudo o que precisa saber sobre a base para muitos doces japoneses

Makgeolli Bebida Coreana

Makgeolli – Saiba mais sobre essa Bebida Coreana de Arroz